fevereiro 03, 2010

[ a essência ]

Certa vez, um agricultor quis ter a melhor quinta de todas.
E então foi comprar as melhores ferramentas e as melhores tintas, para que pudesse construír a melhor vedação. Comprou os melhores utensílios para trabalhar a terra. Arranjou as melhores terras para fazer o melhor pasto. Comprou as melhores sementes e os melhores tractores que existiam no mercado.

Certo dia convidou os seus melhores amigos para o visitarem, orgulhoso que estava da sua quinta.
Mas qual não foi o espanto dos seus amigos quando viram que nada crescia daquelas terras.

Envergonhado ficou com a desilusão de seus amigos.

Este agricultor preocupado e ocupado que estava com a compra das melhores ferramentas, dos melhores tractores e com todos os preparativos inerentes à beleza de sua quinta que se esqueceu realmente do ESSENCIAL de uma quinta.. Semear o terreno.
E porque não havia sementeira, nada havia do que colher. Pelo que na sua verdadeira essência nesta quinta tudo faltava..

....

A nós, nos foi dado um vasto e fértil terreno .. O Terreno da Vida.. O Terreno da Existência.. Onde nele podemos semear qualquer coisa.
Se plantarmos rosas, rosas iremos colher. Se plantarmos cravos, cravos iremos colher. Se nada semearmos, nada teremos para colher. Porque, não é necessário termos a melhor vedação ou as melhores ferramentas para de um terreno tirarmos os melhores frutos.

Basta que para isso percebamos o quanto é importante cada dia, o quanto é importante cada respiração.

A vida é uma dádiva.. um virgem terreno que nunca vamos tarde para semear.

Será que hoje já dissemos a alguém o quanto esse alguém está belo e o quanto é importante para nós?

3 comentários:

Faz de Conta disse...

Lindo...

Mena disse...

Aliar este dom da palavra com a sua enrome capacidade criativa não é de facto para qualquer pessoa. Parabéns. Sou uma fan silenciosa desde há muito, mas hoje teria de lhe dizer que este é um blog de visita diária e deixa tranquilo o meu coração cada vez que aqui venho.

Além de talentosa, deixe que lhe diga é muito bonita e tem um ar muito sereno que apetece conhecer.

beijinho
Mena

Anónimo disse...

Querida amiga, palavras sabias as tuas!!!
Para mim fazem todo o sentido.
Um beijo muito especial desta tua amiga do coração
Vânia